No nosso último teste, falamos sobre 3 marcas de cadeirinha para automóvel (se você não leu pode ler aqui). Seguindo nesse tema hoje vamos falar sobre o bebê conforto que utilizamos com Marília, Augusto e Lara.

O nome bebê conforto me soa um pouco estranho, porque pra mim parece mais um desconforto, mas se é para segurança e bem estar do bebê a gente nem discute né? Apenas sai pesquisando feito doida tentando encontrar a melhor opção para um item que diga-se de passagem usamos por pouco tempo.

Leia também: Wallababie onde comprar

Vamos as opções:

BURIGOTTO TOURING SE

OPINIÃO LUCINHA: Bom, eu só comprei o bebé conforto porque ele veio já junto com o carrinho. NÃO GOSTEI. Sou, acho, uma das únicas do mundo que odiou mas rs, é a verdade. Marília soava, mal se mexia, ficava incomodada, chorava, fora o peso. Porque quando tirávamos do carro para ir num restaurante etc, era aquele peso absurdo. Se tiver outro filho não comprarei nem usarei ele novamente, usarei o SLING e CARRINHO para passeios, e cadeirinha a que eu tenho atualmente (a da Burigotto Neo Matrix, que vai de 0 a 25 kilos e vem o aparato para recém nascido.)

OPINIÃO ARIANNE: Como diz minha sogra o “bebê desconforto” não tem mesmo muito conforto né? Acho que todos são na verdade desconfortáveis, usamos mesmo por questões de segurança. Considero um item bastante caro para o pouco tempo de uso, graças a Deus eu usei um emprestado de uma amiga e não precisei desembolsar. Quando pesquisava pensei em já comprar logo a cadeirinha mas por ser tão grande achei ainda mais desconfortável para um RN do que os bebês confortos. Moro em uma cidade muito quente e quando estava montando o enxoval uma amiga de Governador Valadares foi enfática em dizer que eu precisava ter uma capa protetora para o bebê conforto e eu não queria fazer pois achava desperdício, rsrs. Graças a Deus fiz a capa mais por capricho para que o bebê conforto ficasse bonitinho, mas acho que fez toda a diferença pois essa capa por ser em algodão evitava que o calor do tecido passasse para o Augusto e o deixasse com calor e suada. Usamos por muito tempo sem maiores problemas, apesar de eu achar que ele estava desconfortável Augusto sempre ficou de boa e até dormia no bebê conforto. Usamos até os 6 meses e colocávamos e tirávamos do carro com facilidade mesmo sem ter a base de apoio, o único problema era o peso quando Augusto estava nele, rsrs.

Augusto no bebê conforto com capa protetora que ajuda a não transpirar e deixa bem charmoso.

TUTTY BABY NINO

OPINIÃO PAULA: Quando fui pesquisar o bebê conforto para comprar confesso que me desmotivou os preços tão alto para um item que Lara ia usar por tão pouco tempo. Cheguei a pensar em comprar dessas cadeirinhas que vai desde RN até uns 20 Kg, mas tinha medo porque me parece que não sustenta direitinho o corpinho molinho do RN. Então durante minhas pesquisas encontrei esse da Tutty Baby, que tinha o preço bem acessível, (além de ter uma estampa linda!) mas aí bateu a dúvida porque sinceramente eu nunca tinha ouvido falar dessa marca, e não encontrei ninguém que já tinha usado e pudesse me dizer se era bom ou não. Fiquei uns dias na dúvida, e resolvi arriscar. Não tenho reclamação quanto a ele, confortável mesmo acho que nenhum é, mas ele cumpriu com seu papel, super fácil de tirar e colocar no carro. Nós não tínhamos o costume de tirar ele do carro porque Lara NUNCA dormia no bebê conforto nem durante o trajeto, e nem durante o passeio, então ela sempre ficava no colo mesmo. Graças a Deus nunca sofremos um acidente para comprovar o quão seguro ele é, mas nos outros quesitos indico essa marca tranquilamente. Usei até Lara completar 1 ano, apesar de ela não ter ainda os 13Kg trocamos pelo Matrix Evolution da Burigotto. E se eu for ter outro baby algum dia, acho que já vou direto pra essa cadeirinha.